Falso Arroz Carreteiro: maneira perfeita de utilizar as sobras do churrasco do fim de semana!

Na semana passada postei aqui uma boa receita de arroz de forno, perfeito para fazer com aquelas sobras de frango assado. Agora, seguindo a mesma linha, a dica é para fazer um falso arroz carreteiro (os gaúchos que me perdoem). Portanto, nada de charque. A sobra da vez são as carnes e as linguiças que ninguém aguentou comer no fim do churrasco que você fez no domingão. Os demais ingredientes e o processo lembram e muito o próprio arroz de forno já citado acima.

Fiozinho de azeite e seu prato está pronto para comer... Molhadinho e delicioso este rápido carreteiro!

Fiozinho de azeite e seu prato está pronto para comer… Molhadinho e delicioso este rápido carreteiro!

Você vai precisar da carne já assada que sobrou picada em cubos. No meu caso sobraram algumas linguiças que foram cortadas em rodelas. Pode usar calabresa caso não tenha sobrado nada. Além das carnes, usei duas cebolas cortadas em meia lua, cinco dentes de alho picados, uma pimenta dedo de moça bem picadinha sem as sementes e uma lata de tomate pelado (novamente pode usar polpa ou molho pronto). Novamente não tinha salsa na geladeira, mas cabe muito aqui. Usei um pouquinho de ciboulette da horta só para finalizar. Na hora, como vocês vão ver abaixo, resolvi flambar com cachaça, mas é opcional.

Tudo que você precisa: as sobras, duas cebolas, alho, tomate, dedo de moça... Tudo bem organizado..

Tudo que você precisa: as sobras, duas cebolas, alho, tomate, dedo de moça… Tudo bem organizado..

Como disse, o processo é parecido. Refogue o alho, a cebola e a pimenta dedo de moça em azeite até ficar bem dourado. O fogo é médio, tenha paciência. Tempere com sal e pimenta do reino, mas cuidado porque a carne que sobrou do churrasco teoricamente já está salgada.

O início do refogado: azeite, alho, cebola e a dedo de moça.. Fogo médio e paciência..

O início do refogado: azeite, alho, cebola e a dedo de moça.. Fogo médio e paciência..

Dez, quinze minutos depois, o refogado já pegou cor e a receita pode seguir em frente..

Dez, quinze minutos depois, o refogado já pegou cor e a receita pode seguir em frente..

Ficou dourado, entre com as carnes e siga mexendo para soltar gordura e sabor.

Como já estavam cozidas, a carne e a linguiça entram depois para não ficarem muito cozidas...

Como já estavam cozidas, a carne e a linguiça entram depois para não ficarem muito cozidas…

Neste ponto entrei veio o item completamente opcional que resolvi colocar. Uma dose de cachaça que foi flambada. Cuidado por favor!!!!

Flambar com cachaça é algo opcional.. Não havia planejado, mas resolvi fazer e ficou gostoso...

Flambar com cachaça é algo opcional.. Não havia planejado, mas resolvi fazer e ficou gostoso…

Evaporou o álcool? Chegou a hora do tomate. Novamente pique os inteiros com a própria colher de pau. Entre também com uma pitada de açúcar que vai quebrar a acidez.

Entre com a lata de tomates pelados, uma pitada de açúcar e deixe apurar...

Entre com a lata de tomates pelados, uma pitada de açúcar e deixe apurar…

Depois é a hora do arroz já cozido. E, se você tiver, a salsa. Mexa bem incorporando todo o molho. Está pronto. Praticidade total e uso sábio de tudo que sobrou na sua geladeira. O churrasco de ontem virou um almoço perfeito no dia seguinte! Tinha um pouquinho de ciboulete ainda na minha horta e usei para a decoração.

Hora de misturar o arroz já cozido e seu prato está praticamente pronto!

Hora de misturar o arroz já cozido e seu prato está praticamente pronto!

Com ele bem misturado, entre com alguma erva e o falso carreteiro está pronto!

Com ele bem misturado, entre com alguma erva e o falso carreteiro está pronto!

Feito isso é só servir. Como disse, os gaúchos podem torcer o nariz, mas fica delicioso e é de uma praticidade incrível. Mais informações, como vocês já sabem, sempre no Twitter e no Instagram (@GastroEsporte). Até a próxima! Beijos em todos! Ah! Lembrando que agora o Gastronomia por Esporte também está no Facebook! Cliquem e curtam a página! Por lá vocês vão conferir todas as novidades do blog! http://www.facebook.com/gastroesporte

Anúncios

3 ideias sobre “Falso Arroz Carreteiro: maneira perfeita de utilizar as sobras do churrasco do fim de semana!

  1. Pingback: Aproveite as sobras de comida do fim de semana | Catraca Livre

  2. Keila

    É ‘bão’, hein? Perfeito pra mim, que neste momento, estava queimando as pestanas pensando no que faria com as sobras do churras de ontem! Amei! ‘Reciclar’ comida, pra mim, é uma arte, uma alusão à criatividade do cozinheiro, que é obrigado – mais cedo ou mais tarde a lidar com isso, pois nem todos estão com a mesma fome todos os dias: fartam-se logo ou comem demais. Parabéns!

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s