Filé em crosta de ervas: simples de fazer e perfeito para um jantar descontraído..

Rabanada, peru, tender bolinha, bacalhau, lombinho… As receitas natalinas são muitas e todas deliciosas. Eu mesmo me acabei com as postas com bastante azeite, cebola e alho da Dona Cavalierona. Mas após o recesso natalino, o Gastronomia por Esporte volta com uma dica que foge deste clima. Nos programas na TV, nas revistas e até em outros blogs só se falou sobre Natal. Agora passou. Voltemos ao roteiro normal. E a receita de hoje é simples, fácil e cabe bem em qualquer situação. Até, quem sabe, na sua ceia do ano novo que está chegando.

O jantar lá nos amigos Luciano e Alê começou com a torrada com cogumelos e ovo poché que você pode conferir aqui. Teve até drink durante os aperitivos. Mas precisávamos de um prato principal. E fizemos com estilo. Filé mignon em crosta de ervas com molho de mostarda acompanhado de risoto de açafrão. Neste post falarei apenas do filé. O molho acabei não fotografando o passo a passo e falo dele em outra oportunidade, assim como o risoto. Então vamos para a carne, que, como disse, tem preparo extremamente simples e muito sabor.

Risoto no prato ao lado do rosbife que levou um rápido molho de mostarda.. A receita dele vem em outra oportunidade!

Risoto no prato ao lado do rosbife que levou um rápido molho de mostarda.. A receita dele vem em outra oportunidade!

Primeiro o filé. Neste dia decidimos pagar um pouco mais caro e compramos ele já limpo, prontinho para o uso. Poupa um pouco de tempo e de trabalho. Caso você opte pela peça inteira, tire o excesso de gordura ficando apenas com o lombo em formato de rosbife.

Filé mignon limpinho e pronto para receber a crosta..  Se quiser, compre limpo.. Foi o que fiz nesse dia..

Filé mignon limpinho e pronto para receber a crosta.. Se quiser, compre limpo.. Foi o que fiz nesse dia..

Agora as ervas. Escolhi salsa, alecrim e tomilho. A quantidade de cada uma é extremamente pessoal, já que são sabores fortes. Uns podem gostar mais de alecrim, menos de tomilho… A salsa que acaba sendo a base com uma quantidade um pouco maior. Pique elas não tão fino. Neste prato é legal sentir alguns pedacinhos das ervas que ficarão tostadinhas após entrar na panela.

É importante picar bem, mas não extremamente miúdo.. É gostoso sentir a erva torradinha... Usei salsa, tomilho e alecrim..

É importante picar bem, mas não extremamente miúdo.. É gostoso sentir a erva torradinha… Usei salsa, tomilho e alecrim..

Picadas, espalhe as ervas em uma tábua com sal e pimenta. Aí é só rolar o filé por cima sempre pressionando bem para as ervas grudarem. Deixe descansar um pouco para o sabor passar para a carne.

Após picar, basta espalhar pela tábua e rolar o mignon por cima...

Após picar, basta espalhar pela tábua e rolar o mignon por cima…

Pegue uma frigideira, de preferência de ferro, e coloque azeite e manteiga. E agora é para deixar esquentar. Muito mesmo. Quando começar a sair fumaça coloque o seu filé. A ideia é apenas selar a parte de fora deixando tostadinho. Por dentro é para ficar bem malpassado mesmo. Se não quiser tão cru, sele e termine de assar no forno por alguns minutos.

Passo importante.. Após selar o mignon. é necessário deixá-lo descansando para somente depois começar a fatiar..

Passo importante.. Após selar o mignon. é necessário deixá-lo descansando para somente depois começar a fatiar..

Acabou. Mais simples impossível, não é? Aí é amolar a faca e cortar fino. É importante não cortar logo após tirar da frigideira. Deixe a carne repousando para conservar a umidade. Se quiser servir como entrada também pode. Pegue a fatia, pressione com a faca e deixe ainda mais fina transformando em carpaccio. É uma grande ideia. Neste dia, como falei, foi prato principal e caiu muito bem com o risoto e com o molho rápido de mostarda.

A panela muito quente confere essa casquinha e mantém o interior cru.. Perfeito!

A panela muito quente confere essa casquinha e mantém o interior cru.. Perfeito!

Como disse, qualquer dúvida pode me enviar por email (gastronomiaporesporte@gmail.com), ou então tirar via Twitter (@GastroEsporte). Ah! Só para lembrar, agora o Gastronomia por Esporte também está no Instagram com fotos bacanas (@GastroEsporte). Segue lá! Até a próxima!

Anúncios

8 ideias sobre “Filé em crosta de ervas: simples de fazer e perfeito para um jantar descontraído..

    1. Rafael Cavalieri Autor do post

      Que isso, Nanda… o Carpaccio é uma loucura… O risoto é simples demais.. logo depois do vinho branco junta o açafrão e continua o processo normal que eu sei que você sabe muito bem como se faz… Neste dia coloquei um pouco de tomilho também para dar mais gosto…
      Beijo!!!

      Resposta
  1. Pingback: Que Marravilha!!! Os bastidores de um dia inesquecível na minha cozinha com Claude Troisgros! | Gastronomia por Esporte

  2. Pingback: Bastidores do Que Marravilha! parte 2: meu cogumelo ficou melhor e o churrasquinho no estúdio! E resenha com Troisgros! | Gastronomia por Esporte

  3. Pingback: Os Cogumelos Recheados do Que Marravilha! Aprenda a receita que ensinei a Claude Troisgros! E boas férias! | Gastronomia por Esporte

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s